A ENGIE, através do consórcio SQE Luz (formado pela ENGIE e Quantum Engenharia), foi uma das empresas a receber o IX Prêmio Abilux Projetos de Iluminação 2019, nesta quinta, dia 24, em São Paulo, com 4 projetos inovadores e eficientes inscritos, desenvolvidos no estado de Santa Catarina. O Prêmio bienal é uma realização da Abilux (Associação Brasileira da Indústria de Iluminação), em parceria com a AsBAI (Associação Brasileira de Arquitetos de Iluminação), e simboliza o reconhecimento do trabalho realizado pela ENGIE e suas parceiras no desenvolvimento de projetos de iluminação de excelência, que visam qualidade de vida, economia e sustentabilidade dos locais onde foram implantados.

Os projetos, premiados com o segundo lugar na categoria “Grandes escalas / Locais abertos públicos ou privados”, foram implantados no município de São José e na capital catarinense. Tanto no Parque Comunitário Lot. Renata e Parque Multiuso Lot. Araucária, em São José, quanto na Praça Carianos, em Florianópolis, as plantas foram desenvolvidas visando o conforto e segurança dos cidadãos, a questão estética e sustentável do local, assim como a economia no consumo de energia. 

Foram instaladas redes subterrâneas de iluminação pública, postes de aço, luminárias de LED tipo pétala e decorativa, assim como projetores fechados de alto rendimento, contendo lâmpada multivapor metálico e equipamentos auxiliares necessários. Já o estádio Aderbal Ramos da Silva, conhecido como Ressacada, aderiu a um projeto de iluminação sustentável 100% ENGIE, com o uso da tecnologia LED. Para alegria do time do Avaí, além da solução aumentar o nível de iluminância do estádio de 380,5 para 900 lux, proporciona uma economia de 50% no consumo de energia e contribui para a redução dos gases de efeito estufa. 

O Diretor de Operações da ENGIE, Guilherme Azambuja, bem como os gestores de contrato, Luciano Renzetti, do consórcio Florianópolis, e Júlio Cesar Junior, do consórcio São José; estiveram no evento, e receberam as certificações da Abilux.

“Este prêmio é o reconhecimento do trabalho que a ENGIE vem fazendo na construção de cidades inteligentes, humanizadas e sustentáveis. Temos um compromisso social e ambiental e, através das nossas soluções, conseguimos contribuir para a melhoria da qualidade de vida das cidades, gerando, através da eficientização energética, uma economia para os gestores públicos”, declarou Guilherme Azambuja, diretor operacional da área de Cidades Inteligentes e Infraestrutura.